spot_imgspot_img

Ceia do ano novo japonês: OSECHI (お節)

OSECHI – お節 (lê-se osseti) é uma refeição especial japonesa consumida tradicionalmente no Ano-Novo. A tradição começou no período Heian (794-1185) e facilmente reconhecido por suas caixas especiais chamadas jyubako (重箱), que se assemelham a caixas de bentou (marmita japonesa).

Cada um dos pratos que compõem o osechi possuem um significado especial na comemoração do ano novo:

  • FARTURA: representado pelo rocambole de omelete doce misturado com pasta de peixe ou camarões amassados chamado de Datemaki (伊達巻 or 伊達巻き)  que simboliza o desejo por dias fartos e de luxo. Este prato dizem que era a preferida de Date Masamune, líder feudal e samurai do clã Date que eram famosos por vestirem-se luxuosamente.
  • CELEBRAÇÃO: representado pela pasta de peixes cozida chamado de Kamaboko(蒲鉾) que a cor e a forma assemelham-se ao Sol nascente (símbolo do Japão) por isso o caráter de celebração festiva.
  • FERTILIDADE: representado pelo caviar de ovas de arenque, chamado de Kazunoko(数の子) que significa número de “crianças” e simbolizando o desejo de prosperidade para os membros da família e seus descendentes.
  • FELICIDADE: representado pela alga Konbu(昆布) associado a palavra yorokobu, significado de alegria.
  • SAÚDE: representado pela soja preta, o Kuro-mame(黒豆), associado a saúde por ser uma grande fonte de nutrientes e também de força, pois mesmo depois de cozido preserva sua forma.
  • EVENTO DE SORTE: representado pelo peixe pargo japonês, chamado de Tai(鯛), associando com a palavra japonesa medetai, que significa premiado, sortudo.
  • PROSPERIDADE: representado pelo prato de sardinhas secas cozidas no shoyu, o Tazukuri(田作り), remetendo a uma antiga tradição da fertilização dos campos de arroz por filhotes de sardinhas.
  • CHAMAR DINHEIRO: representado pelo prato de castanha japonesa cozida e adocicada chamado de Kuri Kinton (栗きんとん), simbolizando tesouro pela sua intensa cor amarela.
  • UNIÃO FAMILIAR: representado pelo prato chamado Nishime(煮しめ) que é um cozido com vários leguminosos provenientes da terra, ou seja, união de elementos vindos da mesma origem para que permaneçam unidos como uma família.

Na antiguidade era proibido usar fogo nos 3 primeiros dias do ano, com exceção para o preparo do Ozoni, um outro prato típico para o 1o dia do ano. Assim poupavam as mulheres de terem que cozinhar nos primeiros dias do ano, para que pudessem dedicar esses dias para passarem com a família e visitarem templos para pedir por proteção.

Outra peculiaridade deste prato são as caixas em que são servidos, feitas em laca e chamada de jyubako, decoradas por lindos desenhos como sakuras, garças japonesas e outras imagens típicas do Japão em tons brancos, pretos, vermelhos ou dourados:

Portal Japãohttps://www.portaljapao.com
Ligando pessoas a pessoas no universo digital!
- Publicidade -

Assuntos Relacionados

Destaque Lojas e Serviços

Leia Também

- Publicidade -

Instagram

- Publicidade -