spot_imgspot_img

Seu filho apresenta algum desses comportamentos?

Para os pais é importante estar atento aos comportamentos de seus filhos, principalmente aqui no Japão onde a carga horária extensa de trabalho dos pais, muitas vezes a barreira do idioma, cultura e diferenças físicas entre as crianças Brasileiras e japonesas podem contribuir para que o Bullying aconteça, mesmo que ele não diga nada, os comportamentos podem denunciar algo que esteja fora do lugar.

Converse sobre Bullying e se perceber que:
– Apresenta machucados que não se justificam;
– Teve queda no desempenho escolar;
– Não gosta participar de festinhas dos colegas;
– Fica ansioso quando é obrigado a comparecer a eventos da escola;
– Tende a se isolar;
– Prefere a companhia dos adultos;
– Fica muito triste, isolado ou choroso;
– Não tem muitos amigos;
– Evita falar do dia a dia escolar;
– Evita ou perde prazer ir para a escola;
– Apresenta sintomas físicos: Dor de cabeça, dor de barriga, baixa imunidade, perda de apetite.

Muitas crianças e adolescentes que sofrem Bullying deixam de conversar em casa porque não sentem confiança para falar abertamente e isso faz com que a situação se estenda por mais tempo. Os pais tem um papel determinante tanto para dar suporte emocional, quanto para possíveis intervenções junto à escola ou família do agressor, mas todas as ações só poderão ser tomadas se você tomar conhecimento do que se passa.

Priscila Oliveira - Super Kids
Psicopedagoga que comanda a SUPER KIDS. Alfabetização e aulas de português. Treinamento das habilidades cognitivas e socioemocionais, como memória, concentração, foco, atenção, autoestima e criatividade; essenciais para melhorar resultados escolares, com uma metodologia lúdica e inovadora.
- Publicidade -

Assuntos Relacionados

Destaque Lojas e Serviços

Leia Também

- Publicidade -

Instagram

- Publicidade -